Ativistas da PETA protestam contra grife 2009 de Giorgio Armani

Ativistas da PETA

Ativistas da PETA

Giorgio Armani, um dos mais conceituados estilista italianos não cumpriu com sua declaração de não usar mais peles naturais em sua coleção de inverno 2009, a atual coleção apresenta peças feitas com peles de coelhos. Segundo Dan Mathews, vice-presidente da associação PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) o estilista não cumpriu com suas declarações:

“Há um ano, ele disse que não usaria mais peles, mas na nova coleção de outono apresentou casacos e saias decorados com pele e até casacos de neve para crianças com o interior forrado de pele verdadeira”, disse Mathews.”

Ativistas da PETA foram a frente à grife do estilista italiano em Paris com faixas e cartazes com a foto do Italiano com “nariz de Pinóquio” para protestar contra o uso de peles de animais na temporada de Inverno italiana.
Um vídeo, comentado pela atriz Gillian Anderson, sobre a matança de coelhos na França e na China, que, segundo a Peta, é fornecedora do estilista.

Para satisfazer um capricho de luxo, está condenando um número enorme de coelhos a uma vida de sofrimento e a uma morte violenta na China, nação onde não existem normas de proteção dos animais”, disse Mathews, que em duas décadas de ativismo conseguiu convencer estilistas como Calvin Klein, Ralph Lauren e Tommy Hilfiger a abandonar o uso de peles.

Isto mostra como Ongs e Manifestantes podem trabalhar juntos e atuar pela conscientização do tema a população, o uso de peles dos não humanos em pleno século XXI mostra o quanto ainda somos especistas em relação as outras espécies, cada integrante da sociedade pode mover esforços, movimentos organizados ou não, coletivos ou individuais todo podemos fazer cada um a sua parte em relação a como nós humanos usamos os não humanos.

 

PETA protesta contra o uso de peles em frente a uma loja da Giorgio Armani em Hong Kong

Ativista da organização de proteção a animais PETA protesta contra o uso de peles em frente a uma loja da Giorgio Armani em Hong Kong, na China. A Peta acusa Armani de comprar peles de coelhos chinesas, onde as leis de proteção animal são praticamente inexistentes

 

 

Link: http://estilo.uol.com.br/moda/ultnot/2008/10/07/ult630u9811.jhtm
Link: http://www.estadao.com.br/vidae/not_vid254846,0.htm

About Alex Avancini

Alex Avancini é anti-especista e incentivador da ação pelos direitos dos animais não humanos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: