Pássaro morre sufocado dentro de cueca de ladrão no interior de SP

Criminoso escondeu ave na peça íntima durante fuga em Itapira.
Dono de animal comprou periquito para substituir mascote.

Paulo Toledo Piza
Especial para o G1, em São Paulo

Sufocado. Foi assim que morreu, no último domingo (30), um passarinho que tinha sido furtado de uma casa em Itapira, cidade a 164 km de São Paulo. Escondido dentro da cueca do ladrão, o produto do crime não resistiu à falta de ar puro e ao excesso de calor do “cativeiro”.

Segundo o dono da ave, o aposentado Nilton Rocha, de 62 anos, o furto aconteceu por volta das 14h15 daquele dia. No horário, a neta do aposentado entrou correndo na sala, interrompendo o almoço da família. “Levaram o Pixarro”, dizia a menina, que viu o momento em que um rapaz de 20 anos entrou no quintal da casa, pegou a gaiola com o pássaro e fugiu.

“Meu filho e eu fomos atrás e vimos o rapaz subindo no telhado”, disse Rocha. Em seguida, ligou para a polícia. Policiais militares encontraram o criminoso perto da casa do aposentado. Suas mãos, porém, estavam vazias.

Levado ao 2º Distrito Policial da cidade, o rapaz não comentou o furto. Na delegacia, o aposentado foi questionado a respeito do produto do crime. “Perguntaram se eu sabia onde a gaiola estava, pois precisavam de provas”, contou.

Rocha, então, iniciou a busca até encontrar, sobre o telhado de uma das casas vizinhas, a gaiola. A jaula, porém, estava vazia.

De volta ao distrito policial, o aposentado foi surpreendido com a seguinte notícia: “O rapaz escondeu a prova do crime dentro da cueca”. O pássaro, um pixarro _ou “trinca-ferro”, como popularmente é conhecido_ estava morto.

“Ele era a alegria de minha neta. Ela adorava dar larvas no bico dele”, contou Rocha, com um certo pesar. Para não impressionar a garota, enterrou a ave longe de sua casa. Quando soube da morte do mascote, a neta chorou bastante. Para fazê-la se sentir melhor, comprou um periquito. “Agora ela está feliz”, disse o avô.

Sentimento que o criminoso não deve estar sentindo. Segundo a Polícia Civil, o rapaz foi preso e deverá responder por furto.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL910912-5605,00.html

Advertisements

About Alex Avancini

Alex Avancini é anti-especista e incentivador da ação pelos direitos dos animais não humanos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: