CURSO: CULINÁRIA VEGANA COM LUISA PEREIRA – Veganas

CURSO CULINARIA VEGANA COM LUIZA PEREIRA

CURSO CULINARIA VEGANA COM LUIZA PEREIRA

Curso de Culinária VEGANA com Luisa Pereira/Veganas
Aprenda a preparar passo a passo e deguste:

 

Dia 6 de fevereiro teremos um curso de culinária no centro de São Paulo com deliciosas receitas, todas muito práticas e nutritivas!


– Pão de Queijo

– Bolo integral d efrutas secas e castanhas

– TAbule com cevadinha germinada

– Sanduiche de Falafel- Paella Vegana

– Tofu assado com gergelim- Suco de maracuja com tamaras

Curso – Degustação – Apostila

Investimento: R$50,oo – 25 VAGAS APENAS!

LOCAL: Salão do Edifício Samanbaia – Rua: 7 de Abril, 42 (Metrô República)
DATA: 6 de FEVEREIRO – Domingo das 14h as 19h
INSCRIÇÕES ANTECIPADAS: Pagamento por depósito bancário entre em contato com: VEGANAS@GMAIL.COM

Anúncios

About Alex Avancini

Alex Avancini é anti-especista e incentivador da ação pelos direitos dos animais não humanos.

3 comments

  1. Pingback: Tweets that mention CURSO: CULINÁRIA VEGANA COM LUISA PEREIRA – Veganas « VEGAN – Direitos dos animais em questão. -- Topsy.com

  2. anonimo

    À La Claire Fontaine

    A la claire fontaine,
    M’en allant promener
    J’ai trouvé l’eau si belle
    Que je m’y suis baigné

    Il y a longtemps que je t’aime
    Jamais je ne t’oublierai

    Sous les feuilles d’un chêne,
    Je me suis fait sécher
    Sur la plus haute branche,
    Un rossignol chantait

    Chante rossignol, chante,
    Toi qui as le cœur gai
    Tu as le cœur à rire,
    Moi je l’ai à pleurer

    J’ai perdu mon amie,
    Sans l’avoir mérité
    Pour un bouquet de roses,
    Que je lui refusais

    Je voudrais que la rose,
    Fût encore au rosier
    Et que ma douce amie
    Fût encore à m’aimer

    __

    Na fonte que clara
    Por ela indo passear
    Achei a água tão bela
    Que nela eu me banhei

    Há muito tempo que te amo,
    Jamais te esquecerei.

    Embaixo das folhas de um carvalho,
    Eu me deixei secar.
    Sobre o mais alto galho,
    Um rouxinol cantava.

    Cante rouxinol, cante,
    Tu que tens o coração alegre,
    Tu tens o coração a rir
    Eu, eu o tenho a chorar.

    Eu perdi a minha amiga
    Sem ter merecido
    Por um ramo de rosas
    Ao qual eu recusei

    Eu queria que a rosa
    Ainda estivesse na roseira
    E que minha doce amiga
    Ainda estivesse me amando.

    ___

    *je sens son manque;

  3. elisabeth ferraz

    tudo o que for relacionado com receitas veganas muito mei interessam, lembre sempre de kim, por favor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: